Distâncias

As distâncias mantêm um a saudade, ao mesmo tempo comporta a vontade do ter do ficar, sentir a proximidade o toque, ter um motivo para ter, ficar, o poder de ter é algo como satisfazer a fome de um moribundo faminto.

Distâncias sempre trazem consigo problemas, mas cria necessidades iguais, vontades iguais, contendo consigo a necessidade do ter, ambos se tocarem ter o toque a presença do ser querido, essa necessidade do ter para si consigo, dividir o mesmo espaço é como um sonho, só é possível em alguns momentos, instigando cada vez mais a vontade e necessidade.

Problemas também surgem na medida do tempo a distancia toma a forma da carência insuportável, a uma necessidade do ter agora impossível de ser contemplada, achando soluções não no querido, mas no requerido e no próximo, as distancias assim como atraem, separam e da pior forma sempre, através da distância.

Anúncios

~ por René Ramirez em 05/03/2010.

2 Respostas to “Distâncias”

  1. Distância.. dói… mal necessário as vezes.. è atraves da carência provocada pela distância que podemos perceber o quão maravilhosa é a nossa propria companhia.. As vezes colocamos muito nos outros e muitas das vezes não é reciproco…

    Adorei o texto =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: